quinta-feira, abril 08, 2010

O meu bom leit@r sabe que durmo cedo, mas, ontem, quando me deitei, um helicóptero começou a sobrevoar meu vale e, aí, eu não conseguia dormir.
Eu queria reclamar, mas esses bichanos voadores, eu nem via como, e fiquei aflito.
Me levantei da cama e telefonei pra os meus parentes do Espírito Santo.
E, aí, fiquei falando e chorando com as lembranças.
Que coisa!

4 comentários:

On The Rocks disse...

hey man,

estou por aqui, na velha bahia.

pô, que lástima o que está acontecendo aí. fique bem.

abs

Luciano disse...

legal teu espaço, luis.
pena, chegar eu aqui em um momento delicado...
abraço e força aí.

Fábio Shiraga disse...

Luis, há tempos não passava por aqui, confesso. Mas é a correria da vida, cê entende, né?
Mas esta passagem aqui foi alegre. Ver que tem atualizado sempre, contando de tudo por aí. Ou quase tudo.
Gostei muito do post que fez sobre o primeiro dia de aula. Também gosto das pessoas que falam com todos os esses e usam palavras difíceis como se fosse a coisa mais simples do mundo.

Grande abraço.

Maven disse...

Que bom que está tudo ok contigo. E chorar as pitangas é catártico, é necessário.