quinta-feira, abril 15, 2010

Sempre, por coincidência, quando estou chegando ao ponto do 30, de volta pra casa, à noite, está a sair um ônibus e sinto, vendo-o fazer a curva do terminal, sem poder alcançá-lo, angustiado, que eu poderia estar em casa antes pra jantar, pra tirar os sapatos, pra sentar na poltrona, pra ver os e-mails e tal, e tal.
O meu bom leit@r sabe, que das seqüelas com que fiquei após o meu coma, e que me fizeram ser essa versão de Luís que sou agora, a única coisa que não recuperei do Luís Capucho antigo foi a possibilidade de sair correndo, se eu quiser ou precisar.
Daí, que não saio correndo ao ver o ônibus e não pego o bichano, antes que saia.
Mas naquele horário, em que os ônibus começam a ser recolhidos na garagem, vêm vários e, aí, ontem, quando perdi o primeiro avistado, não esperei muito pelo próximo.
Era um micro-ônibus.

Motoristas de ônibus existem de todo tipo e aquele tinha muita pressa, de modo que eu sentado na cozinha dele, naquela parte final de cadeiras, solavancava pra caramba, espremido entre as pessoas que se entupiam lá dentro, até que começaram os passageiros a se cuspirem dele, nos pontos mais pro final da linha.
Um senhor ao meu lado, no canto, me pediu licença para sair e no corredor do ônibus, que arrancou de repente, caiu no colo da mulher ao lado, se machucou no encosto de uma das poltronas. Vi quando ele, cheio de dor e envergonhado, virou-se para pedir desculpa e depois sair, segurando o ombro melindrado.
E, aí veio a minha vez: o meu bom leit@r acredite, na hora de minha saída, desci o primeiro degrau do ônibus e antes que eu sequer começasse a tirá-lo para o degrau seguinte, no tempo em que eu disse para o motorista “obrigado”, ele deu a arrancada de partida e foi embora.
Ha ha ha... mas eu nem tinha descido, sô...

3 comentários:

Simply Mari disse...

Capucho, sigo silenciosamente acompanhando seu blog...

Veja esse blog da minha amiga, versão feminina e carioca do Blog Azul http://cadernonetuniano.blogspot.com/

e a coincidência do Graciliano Ramos?

Mari disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mari disse...
Este comentário foi removido pelo autor.